Archive for the ‘Notícias’ Category

h1

A Matemática em horário nobre

Outubro 31, 2010

Alguém precisa ter umas explicações sobre o cálculo de percentagens. Erro grave a passar na televisão pública.

h1

Mestrado quase instantâneo

Outubro 24, 2010

Todos os dias amontoam notícias sobre os nossos governantes. Algumas delas deixam-nos de boca aberta.

Este ano achei que já estava na altura de me aventurar a tirar Mestrado. Andei este tempo a adiar por ter receio de não conseguir conciliar da melhor forma trabalho e estudos e deixar uma destas vertentes mal feita. A nossa senhora Ministra da Educação lá resolveu fazer o dela rapidinho e saiu-lhe bem… hihihihi Espreitem lá a notícia e indignem-se como eu me indignei…

h1

SCUT

Outubro 17, 2010

Semana cheia de trabalho por estes lados. Adrenalina de andar de um lado para o outro, que apesar do cansaço é gratificante.
Tenho optado por fazer as viagens para o trabalho por metro… relativamente rápido… e bem mais barato. E para ajudar nessa opção, o início da cobrança nas SCUT, que encareceu substancialmente o já gasto em ida e volta.
Depois de tanto se discutir sobre o tema pouco mais há a dizer… Não concordo… Mas que faz a voz da opinião pública perante a prepotência de quem governa? NADA… infelizmente… Lá teremos de pagar.
Enviaram-me por e-mail um artigo bastante esclarecedor sobre como tudo se está a processar. Para quem ainda tiver dúvidas, ou simplesmente curiosidade… basta clicar…

Dúvidas frequentes sobre portagens nas SCUT

Os preços por Pórtico são:

A4

  • Pórtico 1, entre Custóias-Via Norte Nascente –  0,25Euro
  • Pórtico 2, entre Via Norte Nascente-Ponte da Pedra –  0,25Euro

A17

  • Pórtico 1, entre Mira e Ponte de Vagos – 1,00 euros;
  • Pórtico 2, entre Vagos e Ilhavo – 0,50 euros;
  • Pórtico 3, entre Aveiro Sul e S. Bernardo – 0,65 euros.

A25

  • Pórtico 1, entre Esgueira e Aveiro Nascente – 0,50 euros;
  • Pórtico 2, entre Zona Industrial de Aveiro e Angeja Poente – 0,65 euros;
  • Pórtico 3, entre Angeja e A1 – 0,25 euros.

A28

  • Pórtico 1, entre Angeiras e Modivas – 0,95 euros;
  • Pórtico 2, entre Póvoa de Varzim e Estela – 1,20 euros;
  • Pórtico 3, entre Esposende e Antas – 1,15 euros;
  • Pórtico 4, entre Neiva e Darque – 0,75 euros.

A29

  • Pórtico 1, entre Salreu e Estarreja – 1,00 euros;
  • Pórtico 2, entre Estarreja e Ovar – 0,75 euros;
  • Pórtico 3, entre Arada e Maceda – 0,75 euros.

A41

  • Pórtico 1, entre Perafita e Aeroporto – 0,20 euros;
  • Pórtico 2, entre Lipor e EN 13 – 0,25 euros;
  • Pórtico 3, entre EN 13 e EN 14 – 0,15 euros;
  • Pórtico 4, entre EN 14 e EN 107 – 0,45 euros;
  • Pórtico 5, entre Maia (A3) e Alfena – 0,20 euros;
  • Pórtico 6, entre Alfena e Santo Tirso – 0,65 euros;
  • Pórtico 7, entre IC24 e IC25 – 0,10 euros.
h1

Prémio Nobel da Literatura 2010

Outubro 7, 2010

Mario Vargas Llosa é o Prémio Nobel  da Literatura de 2010, foi anunciado hoje, em Estocolmo, pela Academia Real de Ciência.

“pela sua cartografia das estruturas de poder e pelas suas imagens mordazes da resistência, revolta e derrota dos indivíduos”, by  Academia

Confesso que desconheço as obras deste escritor peruano. Do seu nome apenas me soou a familiar o sobrenome Llosa… Fez-me lembrar Ilse Losa, pois em tempos li “O mundo em que vivi”. Mas sem ligação alguma.

Depois de uma pesquisa pelo site do Jornal Expresso, aqui fica a lista de livros deste autor, publicados em Portugal:

  1. “A Guerra do Fim do Mundo” (Bertrand, 1984)
  2. “História de Mayta” (D. Quixote, 1987)
  3. “A cidade e os cães” (Europa-América, 1977/ Dom Quixote, 2002)
  4. “Quem matou Palomino Molero?” (Dom Quixote, 1988)
  5. “Elogio da madrasta” (Dom Quixote, 1989)
  6. “O falador” (Dom Quixote, 1989)
  7. “A tia Júlia e o escrevedor” (Dom Quixote, 1988)
  8. “Pantaleão e as visitadoras” (Europa-América, 1975/ Dom Quixote. 2001)
  9. “Conversa na catedral” (Europa-América, 1972/ Dom Quixote, 1997)
  10. “Como peixe na água: memórias” (Dom Quixote, 1994)
  11. “Lituma nos Andes” (Dom Quixote, 1994)
  12. “A guerra do fim do mundo” (Círculo de Leitores, 1995)
  13. “Cadernos de Dom Rigoberto” (Dom Quixote, 1998)
  14. “Cartas a um jovem romancista” (Dom Quixote, 2000/ Círculo de Leitores, 1999)
  15. “A festa do chibo” (Dom Quixote, 2001/ Círculo de Leitores, 2001)
  16. “A casa verde” (Dom Quixote, 2002)
  17. “O paraíso na outra esquina” (Dom Quixote, 2003)
  18. “A tia Júlia e o escrevedor” (Dom Quixote, 2003)
  19. “Travessuras da menina má” (Dom Quixote/ Círculo de Leitores, 2006)
  20. “Israel Palestina: paz ou Guerra Santa” (Quasi, 2007)
  21. “Diário do Iraque” (Quasi, 2007)
h1

Mais um aperto de cinto…

Setembro 29, 2010

E vieram as más notícias. Lá vamos nós apertar novamente o cinto…

Será que mesmo com todos os apertos o Governo continua a insistir com o TGV? E agora ainda querem gastar 5 milhões em blindados novos, apesar de não serem necessários… Onde estão os cortes necessários? Ah pois… já me esquecia… o povo é que tem de arcar com tudo…

É triste viver num país que cada dia se afunda mais por incompetência de certas pessoas que só gostam de aparecer bem no ecrã da televisão.

h1

Barack Obama ao poder

Novembro 6, 2008

obama

Barack Obama na Casa Branca

Estas eleições fizeram história… Puseram todas as pessoas de olhos colados ao ecrã para saber resultados. Eu própria à meia noite estava à espera do grande anúncio. 

A frase anunciada no jornal “The Arizona Republic” diz muito: “Obama rompe a barreira para se transformar no primeiro presidente negro”.  Na América tal significa muito… Já era altura de se ultrapassar tal preconceito.

Só o tempo dirá se realmente com ele vem a mudança. Uma pessoa cheia de ideias a concretizar, uma nova visão de vários assuntos… uma nova força na Casa Branca. 

Gostei que tivesse ganho!!

h1

Energia renovável na Póvoa DE Varzim

Setembro 28, 2008

É preciso investir cada vez mais nas energias renováveis. Esse será o futuro!!

A Póvoa vai ser pioneira num projecto de aproveitamento da energia das ondas. Rentabilizar o nosso mar que tanta onda faz hihihi Já só nos faltam as turbinas porque com o ventinho que por vezes se faz sentir aqui, muita energia geravam… LOL

Dois anos e meio depois do previsto, aí temos o “Parque de Ondas da Aguçadoura”.

Aqui fica a notícia… se bem que com um errito grave para os poveiros… correcção lá feita 😉

“O projecto pioneiro de um parque de aproveitamento da energia das ondas é inaugurado esta terça-feira (23.09.2008) ao largo da Póvoa do (DE) Varzim, onde a cinco quilómetros da costa está instalado o equipamento com capacidade para produzir, em média, por ano, 7 Gigawatts por hora (Gwh). O primeiro parque mundial de aproveitamento da energia das ondas é fruto de um investimento de 8,5 milhões de euros, 15% dos quais são financiados por apoios públicos, sendo o restante da responsabilidade da parceria Enersis/ Ocean Power Energy.

Numa primeira fase, o equipamento terá capacidade para produzir energia eléctrica suficiente para sustentar uma povoação de seis mil habitantes, segundo informa a Lusa.”

Fonte: Notícias Portugalmail

P.S.: Fica corrigido o erro… Mais uma vez… é Póvoa DE Varzim…

h1

Por um preço mais justo

Setembro 25, 2008

“Por um preço mais justo: transparência e maior concorrência”

Cada dia que passa e preciso de abastecer o carro, o dinheiro que gasto é basicamente o mesmo, mas os litros que entram para o depósito diminuem a olhos vistos… O que acontece comigo reflecte-se também na carteira e depósito de todos os portugueses que precisam, inevitavelmente, de andar de carro!!

Pouco ou nada podemos fazer para inverter esta situação, mas temos de agarrar esse pouco e tranformá-lo em muito. “A DECO incita todos os consumidores a realizarem uma Jornada Nacional de Protesto, no próximo dia 27, Sábado, pedindo-lhes que não abasteçam os seus veículos durante todo o dia.” 

Mostremos o nosso desagrado e a nossa incompreensão pela não descida do preço do combustível apesar de o preço do petróleo estar em queda.

Mostremos ao nosso governo que já é tempo de controlar esta situação e defender os bolsos dos portugueses. Que por vezes é preciso abdicar dos impostos que lucram com todo este negócio e pensar socialmente…

“Através deste Protesto, a DECO, em representação dos consumidores, reivindica que:

  • As empresas petrolíferas façam repercutir no preço de venda ao público dos combustíveis as reais variações dos preços das matérias-primas, adoptando assim uma política de transparência de preços face aos consumidores.
  • A Autoridade da Concorrência exerça com eficácia as suas competências de fiscalização e supervisão deste mercado, vigiando em permanência a evolução dos preços e reprimindo eventuais práticas restritivas da concorrência, por parte das empresas petrolíferas.
  • O Governo crie uma estrutura específica de regulação deste sector, com capacidades efectivas de intervenção e introduza medidas adequadas ao combate ao oligopólio fomentando o aparecimento de novos operadores no mercado.

PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS: ASSIM NÃO!
SÁBADO 27: NÃO SE ESQUEÇA, NÃO ABASTEÇA!”

Fonte: Deco

h1

Final Jogos Paralímpicos Beijing 2008

Setembro 17, 2008

Começaram no dia 6 de Setembro e hoje terminaram estes Jogos Paralímpicos Beijing 2008. Todos apoiamos os nossos atletas e eles foram simplesmente magníficos!! 🙂

Parabéns aos nossos atletas!!  🙂  Não só pelas medalhas, assim como pelas óptimas prestações que nos proporcionaram.

Para quem ainda não sabe aqui fica um resumo das medalhas alcançadas…

h1

Entrada em Medicina à “pressão”

Agosto 31, 2008

Desta não sabia eu… Recebi esta notícia por mail, enviada por uma leitora deste blog 🙂 Desde já o meu muito obrigada a Teresa de Almeida por me ir dando notícias via e-mail 😉 É sempre bom ter feedback de quem por cá passa!!

Voltando ao tema desta notícia… Digam o que disserem, sou da opinião de que as “Novas Oportunidades” são só uma forma, forçada, de elevar a taxa de escolarização em Portugal… Afinal o nosso Primeiro- Ministro gosta de mostrar as melhorias (ou não) que tem feito neste sector tão importante!!

Agora saltar de um curso de Novas Oportunidades para um curso de Medicina!?!?!?!! O cúmulo… Acho que até posso dizer que revoltante para quem estudou tantos anos para conseguir uma entrada na universiade… sem estatuto algum… com bastante esforço para conseguir um lugar… quanto mais em Medicina…

É só mais um exemplo deste nosso Portugal… Espertos são aqueles que aproveitam e são bem sucedidos!!!  Eu apenas lamento…

h1

Plágio de Tony Carreira??

Agosto 27, 2008

Isto de se estar de férias não faz com que as novidades terminem. E ainda bem…

Alguém me havia falado de que algumas músicas do Tony Carreira eram plágio e, como sou extremamente curiosa, ontem lá andei eu a fazer o tpc, mais precisamente, a pesquisar sobre aquele senhor que consegue levar centenas e centenas de fãs para o Olympia.

Até aqui tudo muito bem… O senhor até tem sucesso e coisa e tal, se bem que não me cativa o suficiente. Logo, este post não tem pozinhos mágicos de escrita de uma fã. Apesar de me passar ao lado a sua carreira musical, eu conheço esta música e de certeza que é conhecida de toda a gente… se não é, é porque está em falta nas festinhas da terra 😉 

Esta música tem a voz de Tony Carreira e no seu CD (1999) a letra vem como sendo de Tony Carreira / Ricardo Landum e a música de Tony Carreira. Será mesmo??? 

É que a minha pesquisa diz-me outra coisa… um senhor chamado não Tony Carreira, mas sim Cristian Castro cantou, dois anos antes dessa mesma data, ou seja, em 1997, o original – Después de ti!!

E esta hein?? Aqui fica a música original de Cristian Castro para poderem tirar todas as conclusões necessárias…

Esta é uma comparação… Letra e música plagiadas!?!… Que o senhor Tony Carreira comprasse os direitos de autor (coisa que me parece que não o fez) e fizesse uns arranjos musicais para as tornar mais apelativas, por mim sem problema nenhum, afinal tantos outros artistas portugueses o fazem… mas a diferença está em não esconderem o que fazem…

Acho que muitos fãs devem estar desiludidos com o seu cantor de eleição!!

Para quem for curioso… como eu… pode dar uma espreitadela no site Diário de Notícias e no blog overdadeirotony que encontram muito mais… 😉

Um último comentário final… Lamentável!!!!

h1

A rapariga Afegã

Julho 18, 2008

Ontem de tarde passou na RTP2 um pequeno documentário que achei bastante interessante. Fiquei a saber que estou bastante desactualizada 😦 Afinal, a notícia já remete para Março de 2002, mas só agora é que me captou a atenção.

Lembram-se desta imagem?

Simplesmente inconfundível. Em 1985, Steve McCurry tirou a fotografia que foi e continua a ser, até hoje, uma das mais famosas do mundo.  Os olhos desta menina afegã captaram a atenção e através deles conseguimos ver a tragédia de uma terra em guerra. Ficou conhecida na National Geographic como sendo a “Afghan girl”, ou seja, a rapariga afegã e, durante 17 anos, ninguém soube o seu nome.

Em Janeiro de 2002 uma equipa da National Geographic, juntamente com McCurry, deslocaram-se até ao Paquistão à procura daquela menina que estaria, nesta altura, uma mulher.

Sharbat Gula. Agora aquele rosto tem um nome… Na altura em que foi encontrada vivia numa zona remota do Afeganistão com o seu marido e três fihas. Desde aquela sua primeira foto, Sharbat Gula não havia mais sido fotografada… até aquele momento. Aqui fica a nova foto, uma espécie de passado versus presente.

    Uma história de verdadeira coragem e persistência!

h1

Caloira violada em pleno Enterro da Gata

Maio 16, 2008

 Estou perplexa!! Soube desta notícia hoje de tarde e nem sei como comentar isto…

Como é possível haver pessoas capazes de tal!?! O que me deixa mais abalada com tudo isto é o facto de ser num local tão conhecido, estive lá em duas noites do enterro e o ambiente vivido é de camaradagem, de festa, diversão. O verdadeiro espírito académico, em que os exageros acontecem, é verdade, mas sempre controláveis por quem não quer cometer exageros desmedidos. Que tal sirva de reflexão para muitas pessoas…

“Uma aluna de 18 anos, caloira do Curso de Biomedicina da Universidade do Minho, foi violentamente agredida e violada no recinto do Gatódromo, em Braga, onde ontem à noite terminou o programa do Enterro da Gata 2008 – a festa dos estudantes. Tudo aconteceu na madrugada da passada segunda-feira – segundo dia da semana académica, no Minho.

“Estava na barraquinha do curso e ele arrastou-me. Pensei que queria conversar e beber um copo, nunca desconfiei dele até porque ele é cardeal do curso e tem por dever proteger os caloiros”, contou ao CM a estudante, muito abalada com o caso, pedindo para manter o anonimato.

Eram cerca das 04h00. “Fomos para uma barraca grande que estava vazia e ele tentou convencer-me a ter relações com ele. Eu neguei e até lhe falei várias vezes da namorada dele, que também é caloira do meu curso. Mas ele não ligou e começou a empurrar-me contra a parede e a bater-me. Não conseguia fazer frente à força dele. Estava muito escuro e apesar de gritar, a música estava alta e ninguém me ouvia”, contou a custo.

O agressor terá então arrancado a roupa da caloira. “Fez todo o tipo de sexo. Está toda rasgada, toda pisada, com hematomas na cabeça e até nos seios. As costas estão todas arranhadas e mal consegue andar, porque está toda dorida”, relatou a mãe da vítima que não consegue esconder a revolta perante a brutalidade da agressão. “Depois de fazer tudo o que queria com ela, arrastou-a para fora da barraca e deixou-a lá. Os amigos encontraram-na a chorar, mas pensaram que era fruto dos copos que tinha bebido”, disse a progenitora que só soube da violação um dia depois.

“Ela não contou nada a ninguém porque tinha vergonha. Veio para casa e foi ao Hospital da Póvoa de Varzim fazer exames. Está muito traumatizada e agora diz que não quer saber mais do curso”, conta a mãe, angustiada.”

Correio da Manhã

h1

Um herói: Padre Joaquim Ferreira da Silva

Maio 16, 2008

Este post demorou aqui a aparecer por dificuldades a nível de tempo, mas mais vale tarde do que nunca, afinal foi este herói quem me baptizou 🙂 Uma pessoa que marcou a sua comunidade e transmitiu grandes lições de vida.

Passados 45 anos, o padre Joaquim Ferreira da Silva, capelão do campo de concentração em Pondá, foi louvado a título póstumo, com a Medalha Militar de Serviços distintos, grau ouro, com palma.

Mas estão-se a perguntar o que este jesuíta fez de tão louvável para merecer tal. Aqui fica a transcrição do sucedido:

“Os acontecimentos reportam-se a 1962 e ao campo de concentração de Pondá, onde estiveram presos durante largos meses cerca de 1750 militares e civis, na sequência da invasão de Goa, Damão e Diu pela União Indiana. O episódio em causa foi presenciado pela quase totalidade dos prisioneiros e viria a ser relatado por um dos oficiais que ali esteve detido. Foi no livro ‘A Queda da Índia Portuguesa. Crónica da Invasão e do Cativeiro’ (Estampa), que o coronel Carlos Alexandre de Morais descreveu o sucedido no dia 19 de Março de 1962, e que poderia ter redundado num massacre.
Tudo começou com uma tentativa de fuga por parte de três prisioneiros, que procuraram evadir-se no meio do lixo transportado pela camioneta que todos os dias fazia a limpeza do campo. Quando a viatura se preparava para transpor a porta de armas, um furriel – que Carlos de Morais não nomeia -, denunciou a tentativa de fuga ao comando indiano. Dois dos três fugitivos foram imediatamente detidos, mas o terceiro escapuliu, misturando-se com “a multidão de prisioneiros que acorreu ao local”. Ao mesmo tempo, o delator, identificado pelos restantes prisioneiros, teve que ser retirado do campo pelos militares indianos, para evitar um provável linchamento. Um major indiano avisou então que, caso se repetisse uma tentativa de evasão, não hesitaria em fuzilar os seus autores – o que mereceu um protesto de um dos oficiais portugueses mais graduados, invocando a Convenção de Genebra.
O caso parecia sanado, até à chegada do brigadeiro Sagat Singh, comandante-geral dos Campos de Prisioneiros de Goa. Mandou formar os prisioneiros, enquanto montava em seu redor todo um aparato bélico: metralhadoras, bazucas, morteiros. E, em frente da porta de armas, um ameaçador pelotão armado. Foi ainda a quente que o padre Ferreira da Silva descreveu os acontecimentos de que foi o principal protagonista, num artigo publicado na revista ‘Magnificat’, em 1962. Conta o jesuíta (à época, tenente capelão de Pondá) que o brigadeiro “mandou formar os soldados e perguntou se alguém queria castigar o delator. Ao contrário do que esperava, os rapazes responderam em coro: “Todos!” O homem ia indo aos arames. Mandou perguntar se tinham entendido bem. E a resposta foi igual: “Todos!” Manda então preparar o pelotão de fuzilamento e carregar as metralhadoras. Perante o risco iminente de uma carnificina, o ex-missionário saiu da formatura e dirigiu-se ao brigadeiro. “Pedi licença para falar e perguntei-lhe se, como capelão, desejava que dissesse alguma coisa aos homens. Mas a resposta foi seca: “Não! É demasiado tarde! É preciso dar uma lição a todos”. Insisti, pedindo que desse aos homens uma oportunidade. Negou novamente, perguntando se tínhamos sido alguma vez maltratados. Respondi que não, mas que já tínhamos sofrido bastante para merecermos que nos fosse dada uma oportunidade. Disse outro não muito seco e, voltando-se para trás, mandou avançar o pelotão de fuzilamento. Lancei então o último pedido desesperado, convencido da sua inutilidade: ‘Senhor, dê-nos uma oportunidade. É a primeira. Nunca teve razão séria de queixa. Por favor, dê-nos uma oportunidade’. ‘Está bem’ – respondeu – ‘mas diga-lhes que será a última’”. O brigadeiro indiano exigiu então um pedido de desculpas. O sacerdote dirigiu-se aos presos: “Rapazes, o sr. brigadeiro quer ouvir uma palavra de desculpa. Depois de a pedirem em coro, o brigadeiro deu-se por satisfeito. Agradeci, saudei e afastei-me. A tempestade terminara”.”

José Pedro Castanheira

Visitem o blog Penso Visual para saberem informações mais detalhadas. 😉

h1

GPS – Garmin Nüvi 200

Maio 12, 2008

 Desde que me perdi em plena auto-estrada e cheguei atrasada ao trabalhito, convenci-me de que estava na altura de comprar um GPS. Demorou mais do que o esperado mas, finalmente, ontem comprei-o.

TomTom, Acer, LG, Garmin, NDrive, Sony, Mio DigiWalker, Macrom Easyx, …. muita marca por onde escolher, sem entender nada do assunto. Lá fui perguntando, mas parece que o pessoal conhecia menos que eu destas pequenas novas maravilhas e, informações valiosas foram poucas as que foram chegando a estes lados. Mas ser empenhada e decidida é o início de tudo… nada como pesquisar e tirar as minhas próprias conclusões.

Garmin Nüvi 200 foi o eleito… Confesso que ajudou saber que em comparações feitas pela “Exame Informática” este ficou em 1º lugar. Se quiserem dar uma olhadela ao estudo feito é só clicar… Exame Informática 😉

Espero não me voltar a perder… hihihi Digam lá se não é lindo!!??!! Amanhã já o ponho em funcionamento… hihihi

h1

Enterro da Gata

Maio 6, 2008

Tem direito a página no Hi5 (Enterro da Gata 2008); e está quase quase a chegar… Este ano, num local menos acessível, o que na minha opinião vai fazer muita gente pensar duas vezes em lá ir. A quinta dos peões foi “trocada” pelo Estádio Municipal de Braga.

Quanto à programação, não tá mau de todo hihihihi

Dia 10 – Jorge Palma, Gabriel o Pensador
Dia 11 – Linda Martini, James
Dia 12 – Rita Redshoes, David Fonseca
Dia 13 – Mind da Gap, Irmãos Verdades
Dia 14 – Neurónios Abariados, Quim Barreiros
Dia 15 – Banda Vencedora do UMplugged, Xutos e Pontapés

Preços é que é pior… Não ser estudante tem desvantagens das grandes…

Para estudantes o bilhete diário pode ser adquirido por 8 ou 9 euros e para os não estudantes o preço é de 11 ou 12 euros. O bilhete geral custa 32 euros.

Quanto ao cartaz… Muito pink 🙂 hihihi

 

h1

Tuna Universitária do Minho

Abril 29, 2008

 Espírito académico é respirado 365 dias por ano por quem ainda está a tentar obter o canudo… Para quem já o tem, esse número de dias reduz-se significativamente. É o meu caso, felizmente ou infelizmente…

Mas há alturas do ano em que é impossível não relembrar as capas negras, o ambiente universitário, os bons momentos lá passados. E como muitos desses momentos ainda podem ser relembrados e revividos, depois de amanhã, dia 1 de Maio, lá estarei eu a pisar solo bracarense para assistir a “Serenata à Cidade de Braga”, levada a cabo pela mui nobre TUM (Tuna Universitária do Minho). Para quem pensar em lá dar um pulinho… 23:00 no Largo do Paço. Não se arrependem 😉

E já que estou numa de divulgação das actuações da TUM, no próximo fim-de-semana (dias 2 e 3 de Maio), realizar-se-à o XVIII FITU “Bracara Avgvsta”. Em ambos os dias, o espectáculo inicia-se às 21h30 no auditório do Parque de Exposições de Braga. Podem comprar os bilhetes no momento.

Para quem estiver interessado em conhecer um pouquinho mais da TUM, basta clicar… Tuna Universitária do Minho 😉

h1

Simpsons vetados na Venezuela

Abril 9, 2008

Incrível… Vi hoje esta notícia no telejornal e achei simplesmente absurdo!! A entidade reguladora da comunicação social da Venezuela retirou do ar o desenho norte-americano “Os Simpsons”, Tudo porque a Televen transmitia os Simpsons às 11h00, num horário sem restrições para crianças, considerando o conteúdo do mesmo uma má influência para as crianças.

Mas o engraçado da história não acaba aqui… Qual poderia ser a série substituta?? Nada mais, nada menos que “Marés vivas”!! É bem… trocar Homer Simpson pela Pamela Anderson e Carmen Electra… as crianças só saiem a lucrar… pois pois… é que ninguém duvida… LOL

Para lerem o na integra o comunicado… Basta clicar… Comunicado da Comissão Nacional das Telecomunicações da Venezuela 😉

h1

Relógio adianta 60 minutos

Março 29, 2008

Relógio

Porque cada segundo da vida é importante e é nesse preciso segundo que algo mágico e inesquecível pode acontecer! Amanhã é dia de nos “tirarem” uma hora das já nossas habituais 24. Para os menos atentos, mas que estão sempre atentos a este blog 😉 , não se esqueçam de mudar a hora hoje, afinal vamos entrar na “Hora de Verão”… Falar em hora de Verão já me faz lembrar o bom tempo… solinho… praia… 🙂

Assim, em Portugal Continental e na Madeira, a mudança ocorrerá à 1h00, adiantando-se os relógios para as 2h00. Já no arquipélago dos Açores, a hora muda às 00h00, para a 1h00.

h1

Menos 30 euros no ordenado

Março 27, 2008

EnfermeiraSimplesmente caricata a situação…

“Enfermeiras de clínica espanhola perdem prémio de produtividade se não usarem mini-saia.
Não usar uma mini-saia no trabalho pode significar menos dinheiro no fim do mês. Esta é pelo menos a ideia da clínica espanhola San Rafael, em Cádis, que retirou a dez recepcionistas e enfermeiras o seu prémio de produtividade, por não usarem a saia curta que faz parte do uniforme obrigatório, escreve o diário espanhol “El País” na sua edição online.
As mulheres recusaram o traje estipulado, que além de deixar as pernas descobertas obriga ao uso de um avental justo e pouco prático. Assim, no fim do mês receberam menos 30 euros, o preço por andarem com os tradicionais fatos de saúde.”
Jornal “O Público”

Antes de mais… Ao aceitarem o emprego não teriam aceite também estas regras? Acho lamentável haver cedências extremas e rebaixamento da moral feminina em prol de um emprego!! Mas quem sou eu para condenar alguém e fazer juízos de valor!

Mas que fique bem claro que não concordo de forma alguma com tais condições, acho simplesmente uma forma de rebaixar a mulher, fazendo uso dos seus dotes corporais para proveito empresarial. Cada dia que passa existem aspectos da nossa sociedade que parece que andam como o caranguejo… um passo à frente, dois atrás…