Posts Tagged ‘natal’

h1

Train – Shake Up Christmas

Dezembro 23, 2010

h1

Feliz Natal

Dezembro 23, 2010

Um feliz Natal carregado de magia 😀

Aqui fica a utopia de Carlos Drummond de Andrade:

“Alguém observou que cada vez mais o ano se compõe de 10 meses; imperfeitamente embora, o resto é Natal. É possível que, com o tempo, essa divisão se inverta: 10 meses de Natal e 2 meses de ano vulgarmente dito. E não parece absurdo imaginar que, pelo desenvolvimento da linha, e pela melhoria do homem, o ano inteiro se converta em Natal, abolindo-se a era civil, com suas obrigações enfadonhas ou malignas. Será bom.”

h1

História do Natal digital

Dezembro 12, 2010

Muito engraçado…

Os tempos mudam… mas o sentimento é o mesmo 😀

h1

Decorações natalícias

Dezembro 3, 2010

Esta época natalícia tem um encanto imenso. Hoje aproveitei a hora de almoço e dei um saltinho no Shopping Cidade do Porto. Lá fiz umas compritas 😀 E saí com duas sacas de papel na mão. Sim, porque uma ida às compras tem muita mais piada quando se sai das lojas com sacas de papel. hihi E falo literalmente… sacas de plástico não têm tanta piada. LOL

As decorações do Shopping não escaparam ao flash do meu telemóvel 😀

h1

Origamis natalícios

Dezembro 1, 2010

Fascina-me a arte dos Origamis. Já não é a primeira vez que deixo neste meu cantinho modelos de construção, mas como o Natal está a chegar, deixo aqui um link que nos leva a experimentar diversos origamis natalícios.

Para quem tem mais dificuldade em visualizar os esquemas, há disponível vídeos animados para se tornar mais fácil a construção dos mesmos.

Experimentem e dêem asas à imaginação 😉

Origamis Natalícios

h1

Coreto iluminado

Novembro 10, 2010

Lindo… Já faz lembrar o Natal 😀

A imagem não tem grande qualidade devido à hora a que foi tirada a fotografia e por ter sido através de telemóvel. Mas valeu a pena guardar este momento 😀

h1

Boss AC – Carta para o Pai Natal

Dezembro 25, 2007

E porque época natalícia não é só o espírito comercial que teima em ser mais forte que outros valores… Boss AC tem uma música que na minha opinião levanta questões bastante importantes e que deixam qualquer um a pensar…

Que todas as luzes, brilhos e sorrisos não nos façam esquecer de toda a realidade… Acho que a mensagem está lá.. Basta ouvir… e ver…

P.S.: Desta vez não consegui salientar apenas uma frase… Por isso aqui ficam todas…

“Olá Pai Natal
É a primeira vez que escrevo para ti
Venho de Lisboa, o pessoal chama-me AC
Desculpa o atrevimento mas tenho alguns pedidos
Espero que não fiquem n’alguma prateleira esquecidos
Como nunca te pedi nada
Peço tudo duma vez e fica a conversa despachada
Talvez aches os pedidos meio extravagantes
Queria que pusesses juízo na cabeça destes governantes
Tira-lhes as armas e a vontade da guerra
É que se não acabamos a pedir-te uma nova Terra
Ao sem-abrigo indigente , dá-lhe uma vida decente
E arranja-lhe trabalho em vez de mais uma sopa quente
E ao pobre coitado , e ao desempregado
Arranja-lhe um emprego em que ele não se sinta explorado
E ao soldado , manda-o de volta para junto da mulher
Acredita que é isso que ele quer
Vai ver África de perto, não vejas pelos jormais
Dá de comer às crianças ergue escolas e hospitais
Cura as doenças e distribui vacinas
Dá carrinhos aos meninos e bonecas às meninas
E dá-lhes paz e alegria
Ao idoso sozinho em casa , arranja-lhe boa companhia
Já sei que só ofereces aos meninos bem comportados
Mas alguns portam-se mal e dás condomínios fechados
Jactos privados, carros topo de gama importados
Grandes ordenados, apagas pecados a culpados
Desculpa o pouco entusiasmo, não me leves a mal
Não percebo como é que isto se tornou um feriado comercial
Parece que é desculpa para um ano de costas voltadas
E a única coisa que interessa é se as prendas estão compradas
E quando passa o Natal, dás à sola?
Há quem diga que tu não existes, quem te inventou foi a Coca-Cola
Não te preocupes, que eu não digo a ninguém
Se és Pai Natal deves ser pai de alguém
Para mim Natal é a qualquer hora, basta querer
Gosto de dar e não preciso de pretextos para oferecer
E já agora para acabar , sem querer abusar
Dá-nos Paz e Amor e nem é preciso embrulhar
Muita Felicidade , saúde acima de tudo
Se puderes dá-nos boas notas com pouco estudo
Desculpa o incómodo e continua com as tuas prendas
Feliz Natal para ti e já agora baixa as rendas
Feliz Natal!”
h1

Feliz Natal

Dezembro 24, 2007

Aqui em casa o dia promete ser atribulado… Já cheira a Natal logo pela manhã  🙂  E para todos aqueles que de alguma forma marcaram e continuam a marcar o meu “mundinho”…  Feliz Natal… E porque o Natal não é exclusivo da língua portuguesa, aqui fica a curiosidade… Feliz Natal poliglota hihihi 😉

  • África: Rehus-Beal-Ledeats
  • Arábia: Idah Saidan Wa Sanah Jadidah
  • Bulgária: Tchestita Koleda; Tchestito Rojdestvo Hristovo
  • Chile: Feliz Navidad
  • China: (Cantonese) Gun Tso Sun Tan’Gung Haw Sun
  • Holanda: Vrolijk Kerstfeest en een Gelukkig Nieuwjaar!
  • EUA, Inglaterra e países de lingual inglesa: Merry Christmas
  • França: Joyeux Noel
  • Grécia: Kala Christouyenna!
  • Hungria: Kellemes Karacsonyi unnepeket
  • Indonésia: Selamat Hari Natal
  • Irlanda: Nollaig Shona Dhuit, or Nodlaig mhaith chugnat
  • Itália: Buone Feste Natalizie
  • Japão: Shinnen omedeto. Kurisumasu Omedeto
  • Coreia: Sung Tan Chuk Ha
  • Latim: Natale hilare et Annum Faustum!
  • Noruega: God Jul, ou Gledelig Jul
  • Filipinas: Maligayan Pasko!
  • Polónia: Wesolych Swiat Bozego Narodzenia ou Boze Narodzenie
  • Roménia: Sarbatori vesele
  • Rússia: Pozdrevlyayu s prazdnikom Rozhdestva is Novim Godom
  • Sérvia: Hristos se rodi
  • Tailândia: Sawadee Pee Mai
  • Turquia: Noeliniz Ve Yeni Yiliniz Kutlu Olsun
  • Ucrânia: Srozhdestvom Kristovym
  • Vietname: Chung Mung Giang Sinh
  • Jugoslávia: Cestitamo Bozic

Se os presentes ainda não estão debaixo da árvore de Natal, não sei se eles irão aparecer… Parece que o Pai Natal não se encontra nas melhores condições… hihihihi Os três porquinhos é que são maus… LOL

h1

IPO – Movimento “Pijaminha”

Dezembro 21, 2007

Por tradição costuma-se dizer que na época natalícia as pessoas são mais solidárias e compreensivas, espírito aberto e sempre prontas a ajudar quem precisa… No meio dos muitos mails que recebo para reenviar (e que muitos deles eu detesto receber… sim, não acredito que a sorte de uma pessoa acabe porque não reenviou um mail, já para não falar em outras coisas possíveis de acontecer segundo os mesmos… lol), estes dias houve um que me chamou a atenção.

Chamam-lhe o Movimento “Pijaminha”, movimento este impulsionado à dois anos por um grupo de pessoas, com o objectivo de angariar, para entregar no IPO, pijamas que tanta falta fazem às crianças que, infelizmente, lá passam tanto tempo das suas vidas. As necessidades dessas crianças passam pela falta de pijamas, pantufas, chinelos, meias, robes e fatos de treino.

Só por curiosidade, no ano passado foram entregues 76 pijamas… e o IPO ficou muito satisfeito com essa dádiva… Este ano a angariação continua… e penso que o desejo de todos nós é que esses números sejam de longe ultrapassados.

Deixem-se contagiar por esta causa, não por ser especificamente a época natalícia, mas pela vossa vontade de ajudar quem precisa… Contribuamos então para tornar o Natal de algumas crianças mais quentinho… 😉

Contactos: Carla Pereira/ 96 247 26 88/ carla.fiscogal@netcabo.pt

h1

Primeiras caixas multibanco na Guiné-Bissau

Dezembro 18, 2007

Novidade ou não para muitos, nem só de progresso vivem certas regiões do nosso planeta… Aqui está a prova disso… As nossas “velhinhas” caixas multibanco surgem apenas agora na Guiné-Bissau. “velhinhas” porque já estamos tão habituadas a elas que, por vezes, nem pensamos que muitas pessoas não as conhecem, quanto mais saber trabalhar com as mesmas.

Até agora, a forma que os guineenses tinham de ter acesso ao dinheiro era levantando cheques directamente nos balcões dos bancos (sim, porque lá já existiam bancos :p ), enfrentando as longas filas que toda a gente detesta… 

Aqui está uma boa questão que nos pode fazer lembrar de tudo o que temos, usufruimos e não damos valor… As caixas multibanco são uma insignificância comparadas com outras questões. Quanto mais que não seja por ser Natal, pensem nisto 😉 com carinho… 😉